TopoCima

Calculadora do salário líquido

A presente calculadora do salário líquido para 2014 pode ser utilizada por funcionários do sector público ou privado e tem em conta IRS, Segurança Social, sobretaxa e pagamento em duodécimos do(s) subsídio(s). Para cálculo da pensão líquida, utilize a calculadora da pensão líquida.

Funcionários públicos – Redução remuneratória: a calculadora assume que a remuneração base introduzida é a obtida após a redução remuneratória em vigor. Para calcular a redução a aplicar em 2014, utilizar a ferramenta Redução remuneratória função pública (2014).

Sector:
Enquadramento:
Nº de Dependentes:
Remuneração base:
Subsídios:
Tipo do subsídio de refeição:
Valor do subsídio de refeição (total do mês):
Outras remunerações (suj. a IRS e Seg. Social):
N.º dias trabalhados:
Taxa Segurança Social:
Visualização de resultados:

Esperamos que lhe seja útil.
Como sempre, caso tenha alguma dificuldade ou encontre algum problema, por favor deixe um comentário.

Achou esta ferramenta interessante? Por favor siga a nossa página no Facebook e subscreva a newsletter. Obrigado.

Partilhe:

1.067 comentários a Calculadora do salário líquido

  1. Sandra Veiga Junho 6, 2014 at 11:01 #

    Bom Dia!
    Primeiramente gostaria de lhe dar os meus Parabéns pelo excelente blog, que muito me tem ajudado e a todos nós.
    Tenho uma questão que muito agradecia se me pudesse esclarecer: Eu e o meu companheiro vivemos em União de Facto com um dependente e ele, funcionário do Estado desconta como Casado, único titular com 1 dependente (4 anos), pois estou desempregada, atualmente sem receber qualquer subsídio da Segurança Social.
    Gostaria de saber se enquanto não arranjo um trabalho fixo, posso trabalhar por exemplo só algumas horas como promotora ou repositora durante alguns dias ( pois existem muitas vagas para este tipo de trabalho), sem que isso afete o ordenado do meu companheiro, pois disseram-nos que mesmo que eu só trabalhe um fim de semana e desconte para a segurança social, o meu companheiro vai logo receber menos cerca de 45,00 euros mensalmente e que deixo logo de receber o abono de família.
    Ainda a semana passada recusei um trabalho temporário num fim de semana em que ganharia cerca de 50,00 euros. Eu quero e necessito urgentemente de trabalhar enquanto não aparece um trabalho fixo, mas tenho receio de aceitar trabalhos temporários e ao final do mês ter o mesmo ou ainda menos dinheiro.
    Peço desculpa pelo meu longo texto e agradeço desde já a sua atenção para a minha questão.

    Com os melhores cumprimentos

    Sandra Veiga

    • Joaquim Félix Junho 6, 2014 at 12:51 #

      Costumo dizer, não se nega o trabalho, tudo o que vier à rede é “peixe”
      Não podemos viver amarrados aos “se” os impostos existem, quanto mais ganhamos mais descontamos, mas fica sempre algum disponível.

      O que poderia acontecer é que no final do ano os vossos rendimentos sobem, mas também sobe a sua dedução específica até aos 4104€

      exemplo, se ganhar 1000€ no ano a dedução é os 1000€
      se ganhar 4104€ não desconta nada de irs nem afecta o IRS anual do agregado.

      Agora o 2º problema é bem possível que atinjam valores que lhe podem retirar o abono de família, mas isso já acontece a muita gente, antigamente davam abonos a todos, agora limitam o valor de rendimento…

      O seu companheiro não informa a empresa dele e não passa a descontar como 2 titulares, se o fizer no final do ano devolvem-lhe todo o irs descontado a mais.

      cps

    • Sandra Veiga Junho 9, 2014 at 18:27 #

      Muito obrigada pela sua resposta, só não entendi muito bem o último parágrafo: o meu companheiro pode então optar por não informar a empresa dele de que estou a trabalhar continuando a descontar como um titular ? é legal? não há cruzamneto de dados?
      O que provavelmente vai acontecer enquanto não arranjo emprego fixo, é que só trabalharei alguns dias e horas durante o mês e talvez no mês seguinte nem arranje nenhum trabalho temporário, daí a minha preoucupação em descontar como dois titulares. E no meu caso terei também de descontar como 2 titulares ?
      A maior parte dos trabalhos temporários mesmo que só algumas horas durante um fim de semana fazem-nos descontos para a Segurança Social. Fizemos o IRS este ano relativo a 2013 em conjunto.

      Uma vez mais muito obrigada

      Com os melhores cumprimentos

      Sandra Veiga

    • Joaquim Félix Junho 9, 2014 at 23:36 #

      Sim é legal, até que o seu trabalho não é efetivo, não afeta as contas, só a partir dos 4104 Euros é que começa a afetar ligeiramente o cálculo do IRS anual, até lá ambos descontem como 1 titular.

      Eu tinha dito que por acaso quisessem receber IRS no final do ano, tipo pé de meia, descontassem como 2 titulares, pois de certeza que o aumento desse desconto mensal, seria devolvido no final do ano.

      cps

  2. Jorge Fernandes Junho 6, 2014 at 12:19 #

    Muito obrigado pelas informações que nos tem fornecido através deste blog.

    Bem haja.

    • Joaquim Félix Junho 9, 2014 at 23:38 #

      Em nome do Bloq também agradeço as suas palavras.

      Cps

    • Antonio Junho 23, 2014 at 18:37 #

      Era o que se previa, o tribunal devolveu o corte mas o irs e a adse comeu quase todo. Na minha folha de vencimento (1864.19 base) deveria vir 65 euros de adse mas vem 71,84. Sabe o motivo?

  3. Marta Julho 11, 2014 at 11:47 #

    Bom dia, antes de mais, parabéns pelo trabalho desenvolvido neste espaço.
    Eu comecei a trabalhar no dia 1 de Fevereiro, terei eu direito a subsidio de féria? quando?

    Obrigada
    Marta

  4. Bernardo Julho 17, 2014 at 13:53 #

    Bom dia. Quero desde jà felicitar o otimo trabalho que tem feito neste blog. Recentemente comecei a trabalhar e recebemos o nosso primeiro recibo de vencimento. A minha questão surge pois no recibo aparecem os seguintes valores: 599.33 de vencimento base+89.03 de trabalho nos feriados + 48.33 de premio de lingua + 5wUu3.77 de premio performance + 65 tickets de refeiçao. Isto com um tota bruto de 854.86, após descontos recebemos 630.98 euros . A minha pergunta é que no simulador o salario e superior. Sera que me poderia esclarecer?

    • Pedro Pais Julho 17, 2014 at 20:47 #

      Ola. E as diferenças que encontra, em que rubricas são? IRS, Segurança Social?

Trackbacks/Pingbacks

  1. Tabelas IRS 2013! Faça a simulação com os seus valores! - Janeiro 15, 2013

    [...] aqui a sua simulação definindo a sua tipologia de contribuinte e colocando os seus valores [...]

  2. Simulador de rendimento líquido mensal – Publico e Privado (inclui sobretaxa) | Economia e Finanças - Janeiro 16, 2013

    [...] = 250;   Uma outra alternativa de simulação que foi recentemente disponibilizada é a Calculadora do salário líquido que, se escolher a versão completa de resultados – lhe devolve as várias parcelas para as [...]

  3. Anónimo - Janeiro 16, 2013

    [...] [...]

  4. Acho que a PWC se enganou | 10envolver: examinar, explicar, fazer crescer - Novembro 3, 2013

    […] este corte me pareceu exagerado, fui ao blog do Pedro Pais que tem uma calculadora para 2013 da remuneração […]

  5. Calculadora do salár io líquido | Manuscritos Digitais - Janeiro 6, 2014

    […] http://www.pedropais.com/ordenados-e-pensoes/calculadora-do-salario-liquido […]

Deixar uma resposta

Current ye@r *